Questões frequentes sobre falcoaria

Nesta página respondemos a algumas das perguntas frequentes sobre a prática da falcoaria:

O que é a falcoaria?

A falcoaria (também designada cetraria) é a prática de adestrar, cuidar e caçar com aves de presa presas de caça no seu meio natural. Esta é a definição aceite a nível mundial para caracterizar esta arte. Pode saber mais na página: O que é falcoaria (URL).

É legal “ter” uma ave de presa em Portugal? 

Sim, é legal. Ter uma ave de presa em Portugal exige que a mesma seja originária de reprodução em cativeiro e que se prove essa origem.

As aves de presa, muitas vezes ameaçadas em estado selvagem, são protegidas por diretivas nacionais e internacionais. Assim, para um particular poder ter uma ave de presa em seu poder tem de fazer prova da sua legalidade. Para isso serve o registo das aves junto das autoridades do Estado Português ao abrigo da convenção CITES.

Como se reconhece uma ave em situação legal?

As aves de presa criadas em cativeiro são marcadas com uma identificação individual, geralmente não passível de remoção, que comprova que a sua origem foi a reprodução em cativeiro. Para além disso, os proprietários têm de possuir a documentação legal.

Posso ter uma ave de presa sem praticar falcoaria?

Apesar de legalmente ser permitido, não aconselhamos a que as aves de presa sejam mantidas apenas como animal de estimação.

O bem-estar destas aves e as suas exigências ao nível de alimentação, alojamento, necessidade de exercício e voo e o seu carácter independente, NÃO as torna um bom animal de estimação  (no sentido convencional). Além disso, tê-la apenas como animal de estimação, pode não responder às suas necessidades básicas.

Para caçar com uma ave de presa basta que esteja registada?

Não. Para caçar com uma ave de presa o falcoeiro estar habilitado à prática da caça, como acontece com outros caçadores. 

O que devo saber para praticar falcoaria?

Aconselhamos qualquer interessado em aves de presa e na prática da falcoaria a consultar a nossa página: Como começar a praticar falcoaria (URL), onde ponde encontrar uma explicação sobre o que aconselhamos e alguns recursos para saber mais. 

As demonstrações, feiras medievais e controlo de aves são formas de falcoaria?

Não. Todas essas atividades utilizam técnicas desenvolvidas por falcoeiros ao longo de séculos, mas não são consideradas como falcoaria porque têm objetivos diferentes.

As demonstrações, feiras medievais e controlo de aves são importantes nos seus contextos e podem servir para informar o público sobre o papel da falcoaria na história e sobre a importância das aves de presa. No entanto, não devem ser consideradas e/ou publicitadas como “falcoaria”.

Encontrei uma aves de presa! O que devo fazer?

Se tiver encontrado uma ave de presa selvagem: Recomendamos que consulte a informação fornecida pela Liga para a Proteção da Natureza (LPN) para estes casos: o que fazer se encontrar um animal selvagem ferido (URL).

Se tiver encontrado uma ave de presa treinada: entre em contacto connosco usando o email apfalcoaria@gmail.com e enviando-nos a seguinte informação:

  1. o seu nome
  2. o seu contacto
  3. localidade
  4. dia em que a ave se perdeu, foi avistada ou encontrada

Em qualquer dos casos sugerimos que informe a GNR da sua área de residência explicando o sucedido. Pode usar o Número SOS Ambiente: 808 200 520.