Encontrou ou perdeu uma ave de presa? (Águia, falcão, mocho, etc.)

PERDEU UMA AVE DE PRESA?

Caso tenha perdido uma ave de presa entre em contacto directo connosco usando o email: apfalcoaria@gmail.com.  Envie-nos seguinte informação:

  1. o seu nome
  2. o seu contacto
  3. dia em que a ave se perdeu
  4. espécie da ave perdida
  5. localidade onde avistou a ave pela ultima vez.
  6. frequência da telemetria (se tiver)

Guardamos um registo de todas aves de falcoaria que são perdidas e encontradas. Somos frequentemente informados das aves encontradas e caso a sua ave apareça podemos entrar em contacto consigo mais rapidamente. 

 

ENCONTROU UMA AVE DE PRESA?

Se encontrou ou avistou uma ave com equipamento nas patas (tiras de cabedal ou outro material semelhante), trata-se provavelmente, de uma ave nascida em cativeiro e pode ter-se perdido do seu proprietário. As aves de presa utilizadas em cetraria estão identificadas com anilha fechada ou microchip que as identifica individualmente. Os falcoeiros podem fazer prova da propriedade da ave através de documento oficial onde consta o número da anilha.

Nestes casos aconselhamos que caso a ave esteja em local fechado mas consiga voar facilmente a tente manter nesse local (se puder escureça o local) e entre em contacto com a nossa associação (formulário abaixo) para tentarmos localizar o seu proprietário. Caso se trate de uma ave anilhada mas debilitada ou ferida sugerimos que proceda como explicamos para o caso de aves feridas.

Entre em contacto directo connosco através do email: apfalcoaria@gmail.com e indique:

    1. o seu nome, contacto,
    2. localidade
    3. se possível faça uma descrição da ave ou envie uma fotografia. 

Sugerimos igualmente que entre em contacto com a GNR da sua área de residência explicando o sucedido. Pode usar o Número SOS Ambiente: 808 200 520. Pode aceder ao site da divisão de ambiente da GNR (SEPNA) AQUI!

 

ENCONTROU UMA AVE DE PRESA JUVENIL (CRIA), DEBILITADA OU FERIDA?

Consulte a informação fornecida pela Liga para a Protecção da Natureza (LPN) para estes casos: o que fazer se encontrar um animal selvagem ferido (URL).